Tudo Que Eu Tenho


Quase todo mundo conhece a estória do filho pródigo, que gastou todas as suas posses em vivência turbulenta; depois, voltando para casa do pai, encontrou misericórdia e o perdão; e como o irmão mais velho se aborreceu com a misericórdia do pai. A qui vemos os valores que levam as pessoas a agirem como o filho mais velho. Também vemos o filho pródigo na figura do bêbado e da meretriz, a quem Cristo disse que entrariam no reino do ceus a despeito dos atuais grupos religiosos.

Recordemos o que disse o pai para o filho mais velho: “Tudo o que tenho é seu” (Lu. 15:31). Se ao menos a igreja do mundo pudesse compreender o sentido da expressão “tudo o que tenho”!

Você alguma vez, já parou para pensar que Deus é senhor e possuidor de todas as coisas: saúde, felicidade, prosperidade e riquezas? Deixame ajudá-lo a encontrar as bençãos de Deus que irão por sua vida em ordem. Você sabia que nós somos herdeiros e co-herdeiros de Deus (Ro. 8:17)? Por mais que Ele possua, também nós possuimos. A Bíblia nos diz que todas as coisas são nossas. Tudo que Deus é, nós também somos.

Todo aquele que for perfeito será como seu mestre. A Bíblia nos diz que Deus aperfeiçoou aqueles que são santificados, e os santificou perpetuamente, oferecendo Seu Filho, igualmente justificando-os, santificando-os e glorificando-os com Sua antevidência, redimindo-os até a plenitude da estatura de Seu Filho, Jesus Cristo. Deus nos tem dado tudo referente á vida.

A mente de Cristo domina todas as coisas. Deus, que é tudo, também é controlado por ela.

O fato é que Deus se submeteu a nós através de Cristo. Devemos ter em mente que exercemos controle sobre Deus e o Espírito Santo, pela mente de Cristo, a qual o próprio Espírito é submisso.

Pela mente, Deus controla todas as coisas através de nós, e em compensação, nós O controlamos, pela fé nessa mente; logo, vemos por que devemos nos tornar Cristo manifestado em carne, para colhermos plenamente os benefícios de Deus, como disse Paulo: “Não eu que vivo, mas Cristo que vive em mim”!

Deus é a Palavra, e a fé de Cristo em nós controla e dirige a palavra para desempenho a nosso favor. Se vivermos em santidade, nossa fé será uma só com a de Cristo; isto é, nós chegamos ao ponto de termos uma fé sobrenatural, uma crença sobrenatural, não a simples fé habitual do homem, a qual só crê nas necessidades reais da vida. Atualmente nós cremos em coisas supranaturais, pois a fé traz profícua frutificação do Espírito.

A fé de Cristo domina todas as coisas através de nós, conforme a Palavra do Senhor. Deus disse que a fé nos dá autoridade.

A fé de Cristo domina todas as coisas. Nós temos a mente de Cristo. É como se você entrasse num café e servisse sua propria mesa à vontade. O plano de Cristo também é um plano de auto- serviço.

Muitos cometem o erro de se perguntarem se é da vontade de Deus nós passarmos necessidades às conveniências da vida; e nós retardamos nossa fé perguntando como Deus pode fazer isso, ou ainda, perguntando a quem ou o que Ele utilizará. Nós não devemos, jamais, pensar assim, mas aceitar o fato de que Deus assim o disse e assim Ele o fará. Isto é fé.

Embora Deus já tenha dito que Ele nos deu tudo que diz respeito à vida, ainda assim, nós facilmente nos equivocamos. Ele disse que suprirá todas as nossas necessidades, tanto espiritual quanto física e financeiramente. Apesar disso, procuramos a Deus, perguntando se é da Sua vontade termos paz, prosperidade ou unidade em nosso lar.

Uma só coisa eu gostaria de ativar em sua mente: que Deus, por Cristo Jesus no Calvário, deixou todas as coisas pertinentes à vida, sob toda forma ou estilo, eternamente disponíveis para você e para mim. Tudo que temos de fazer é examinar o “menú” espiritual e pedir a mercadoria desejada, pela fé; isto é, aceitarmos o seguinte fato: tudo o que precisamos já é nosso, posto à nossa disposição pela morte de Cristo.

Assim, em vez de pedirmos a Deus pelas coisas da vida, prometidas anteriormente pela Sua Palavra e vontade, devemos admitir mossa carência pela fé, cheios de confiança, sem vacilarmos, alegrando-nos em Sua Palavra de promessa, pois Ele, sem nada mudar, cumprirá Suas promessas.

Nós só temos de fazer como Jesus fez na sepultura de Lázaro. Ele disse: “Eu te agradeço, Pai, porque Tu me escutaste, e Tu sempre me escutas”, e em reconhecimento a Deus, perante ao povo, a glória seguiu para Deus, o seu respeitoso lugar de morada.

Tenha sempre em mente uma coise: Ele disse “Eu responderei a qualquer chamado seu”. Ele assim o fez pela Divina apropriação no Calvário, entregando a nós tudo que é pertinente à vida. Amigo, aqui está! Sirva-se à vontade! Pois Ele disse: “Tudo que Eu tenho é seu”.

Por Irmão George Leon Pike Sr.

Esta mensagem e publicada para distribuiçao gratuita. Para receber mais cópias, escreva para o endereço abaixo, informando a quantidade de folhetos que você precisa.

POR9902T — PORTUGUESE — ALL THAT I HAVE

Santidade Ao Senhor